Taking Stock #2: Amorzinhos do mês de Julho

10:00

Oie gentes, tudo bem?
Eu decidi seguir o modelo da Marieli Mallmann com o modelo de Taking Stock (que surgiu na verdade com o Meet Me at Mikes) em que eu faço um balanço do mês com as coisas que eu amei do coração mesmo - já tinha feito mês passado e agora você acha pelo marcador Taking Stock :]).
Agora oficialmente estamos caminhando para o fim do ano já que o mês que marca o meio passou. É nesse semestre que eu penso muito sobre a minha vida e faço um balanço do que aconteceu do começo do ano até aqui e o que eu quero até o fim do ano.
Também significa que as férias estão chegando ao fim e isso é uma boa coisa para mim porque finalmente vou voltar a estudar - parece que já fazem séculos desde que parei.
Chega de papo e vamos ao que interessa.


Atualmente não estou lendo nenhum livro, mas estou adorando ler conteúdo digital. Estou amando ler textos de comportamento, desabafos e blogs com posts bem construídos. Minha dica da vez são os textos da Chez Noelle que sempre me colocam pra cima de alguma forma e me fazem refletir muito sobre a vida.

Estou tentando terminar Grey's Anatomy o mais rápido o possível porque eu juro que não aguento mais chorar com esse seriado e ele me impede de assistir outros. Tirando isso, comecei a assistir Stranger Things e duvido que vou sossegar enquanto eu não acabar.

Eu ainda não sei qual a melhor forma de compartilhar o que eu estou ouvindo com vocês então resolvi falar um pouco sobre cada música que estou ouvindo em uma listinha:
Painted On My Heart - The Cult: essa música é um hino da sofrência real oficial pra mim e sempre dou risada sozinha só de lembrar que eu cantava "I still got your face and baby you're not her" ao invés de "I still got your face painted on my heart" e pensava que o compositor era bem c*zão porque né...
Maybe Tomorrow - Stereophonics: eu amo colocar meus fones e cantar essa música bem alto me sentindo uma rockstar com uma voz maravilhosa - o que não é beeem verdade.
Right Here, Right Now - High School Musical 3: essa fase da vida está bem doida a ponto de eu amar e odiar tudo ao mesmo tempo e acho que não sou a única. Me sinto no colegial novamente e sempre que eu escuto essa música eu lembro da Gabriella falando para o Troy: "eu só queria que as coisas fossem mais devagar ou até parasse" ~a nostálgica~.
You Are in Love - Taylor Swift (Mackenzie Johnson cover): a mocinha das polêmicas não me dá muito orgulho (me odeiem), mas eu gosto das músicas dela então me julguem por isso. Acho a letra dessa música um amorzinho e me identifico muito com ela e esse cover é lindinho demais.
River - Bishop Briggs: ok, pare o que você está fazendo e escute agora. Estou completamente viciada e ouvindo no repeat. Me agradeça depois.

Conversar com todo mundo que eu conheço sobre diversos assuntos. Eu sinto que cada vez mais as pessoas criam bloqueios nas conversas ou simplesmente não conversam sobre nada porque o celular é mais interessante ou porque quando começam a conversar algo mais sério, vira discussão, a intolerância rola solta e acabam por brigar.
Estou buscando referências para tatuagens - apesar de não ter dinheiro para fazer nenhuma em um futuro próximo - e bastante street style de acordo com o que eu gosto ou gostaria de vestir.


Comendo/Cozinhando: estou viciada em comer Stroopwafel que é uma bolachinha típica holandesa com gostinho de canela que você coloca em cima da bebida quente para que o recheio amoleça e fique quentinho. É incrível, sem mais - se você é de São Paulo eu encontrei para comprar numa loja de doces na Rua Pamplona mais ou menos na altura 1400 e se chama Empório Namy. CUIDADO você pode deixar todo seu salário lá com as coisas incríveis que vendem.
Desejando: aprender coisas novas.
Necessitando: ser mais organizada e finalizar projetos começados.
Pensando: em como organizar meus cadernos, computador, redes sociais e afins.
Sentindo: vontade de mudar.
Agradecendo: meu pai por sempre me colocar de volta nos trilhos e pensar com os pés no chão sem deixar de sonhar.

É isso pessoal, espero que tenham gostado e até mês que vem.
Com amor,
Querida Asquini.



You Might Also Like

0 comentários

Sobre

Larissa Honorato
Apaixonada por música, moda, fotografia e comportamentos sociais. Procuro instigar o questionamento e a curiosidade das pessoas para que sempre se descubram e reconstruam.